Organizada por Samantha Meyer, a obra aprofunda o olhar sobre a contribuição feminina na Constituição brasileira

 

O livro  ‘A Constituição por elas’ reúne mais de 200 autoras nacionais e internacionais para diferentes interpretações da Constituição a partir da ótica feminina. Entre os vários artigos que compõem a obra está o escrito pela  Pró-reitora e coordenadora de Graduação em Direito e Pós graduação lato e stricto sensu da Ciesa,  Dra. Solange Almeida Holanda Silvio.

 

Com o artigo “Ativismo judicial positivo: uma análise a respeito do objetivo real e os contrapontos contemporâneos do princípio da separação dos poderes”, Solange Holanda discorre sobre a supremacia do texto constitucional e se torna representante não apenas da instituição a qual é gestora, como também do estado do Amazonas dentro da publicação.

 

Com uma longa caminhada na vida acadêmica,  ela é  Doutora e Mestre em Direito Constitucional Público, além de professora da disciplina de Direito Constitucional, no Ciesa.

 

“Mais que uma contribuição feminina para a área do Direito, acredito que essa produção carrega a nossa sensibilidade e nos permite refletir sobre os  direitos civis, sociais e econômicos, mas principalmente sobre a contribuição das mulheres e a evolução das conquistas que devem caminhar lado a lado com o respeito e a dignidade que todos os cidadãos merecem”, disse.

 

*Sobre o livro*

 

‘A Constituição por elas’ está disponível em formato digital e destaca o longo processo de tomada de decisão dos três poderes com a participação das mulheres, assim como uma interpretação da Constituição sob a ótica feminina, ressaltando e refletindo sobre o papel social e político das mulheres. 

 

Coordenado por Samantha Meyer e Renata Maciel, o livro reúne dezenas de autoras para abordar temas como democracia, gênero, sexismo, desafios, ativismo feminino, políticas públicas de educação, conquistas e desdobramentos da Constituição.